Desprender-se

Segunda-feira, 18 de maio de 2009

Olá!!!

Hoje venho contar uma noticia que não é tão feliz assim, mas foi necessário tomar esta decisão pra poder dar tudo certo.

Eu não faço mais parte da moderação do Forum DSMemories, mas nem por isto chorem viu! rs
Faz um tempinho já que saí, mas de boa hein! Nada de brigas nem coisas ruins, mas meu tempo lá foi ooootimoooooooo e passou…como uma amiga diz, são ciclos que se encerram pra poder dar lugar à outros 😀

Só quero deixar aqui gravadinho que amooooooooooooooo o DSM e tudo o que fiz e senti por lá foi de coração!
E um dia eu volto..deixa as coisas se acertarem (o que esta acontecendo, graças a Deus!) que eu volto!!!! Uhuuuuuuuuuuuuuu!!!

E, pra me despedir direito..rs…vou deixar uma mensagem que tocou demais meu coração e creio que também tocará uma pessoa muito especial pra mim (sem citar nomes..rs..)

Amiga: não sei se você já viu esta mensagem antes, mas saiba que mesmo havendo mudanças na nossa vida, tudo o que fizemos estão lá, gravadinhas viu! Força!!!! Vai que o futuro te aguarda 😀

Desprender-se
“Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final.
Se insistirmos em permanecer nela mais do que o tempo necessário, perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos viver.
Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos – não importa o nome que damos, o que importa é deixar no passado os momentos da vida que já se acabaram.
Foi despedido do trabalho? Terminou uma relação? Deixou a casa dos pais? Partiu para viver em outro país? A amizade tão longamente cultivada desapareceu sem explicações? Você pode passar muito tempo se perguntando por que isso aconteceu. Pode dizer para si mesmo que não dará mais um passo enquanto não entender as razões que levaram certas coisas, que eram tão importantes e sólidas em sua vida, serem subitamente transformadas em pó. Mas tal atitude será um desgaste imenso para todos: todos estarão encerrando capítulos, virando a folha, seguindo adiante, e todos sofrerão ao ver que você está parado.
Ninguém pode estar ao mesmo tempo no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco.
O que passou não voltará: não podemos ser eternamente meninos, adolescentes tardios, filhos que se sentem culpados ou rancorosos com os pais, amantes que revivem noite e dia uma ligação com quem já foi embora e não tem a menor intenção de voltar.
As coisas passam, e o melhor que fazemos é deixar que elas realmente possam ir embora. Por isso é tão importante (por mais doloroso que seja!) destruir recordações, mudar de casa, dar muitas coisas para orfanatos, vender ou doar os livros que tem.
Tudo neste mundo visível é uma manifestação do mundo invisível, do que está acontecendo em nosso coração – e o desfazer-se de certas lembranças significa também abrir espaço para que outras tomem o seu lugar.
Deixar ir embora. Soltar. Desprender-se.”
(Paulo Coelho)

Outra mensagem que me “consola” de vez em quando é…

“Ontem é história…Amanhã é mistério… e hoje é uma dadiva…por isso se chama presente!”


Então…

Vamos viver tudo o que há pra viver, vamos nos permitir!!!!
Ah! Obrigada pelos recadinhos!!!
Eu amoooo entrar aqui e ve-los!
Mil bjkssss!!!

2 comentários Adicione o seu

  1. Amiga, vc é demais! Obrigada por fazer parte da minha vida.. vc nunca será um capítulo passado.. uma amizade verdadeira como a nossa nunca morre, pode no máximo ficar na gaveta. Só tenho o que agradecer por tudo que vc fez pelo DSM. Agora é época de voar… colher o que vc semeou por tanto tempo. Estou aqui torcendo por vc.. SEMPRE!
    Adorei a mensagem.. srsrsr… caiu como uma luva mesmo.
    E copiando sua citaçao.. Vamos viver tudo o que há pra viver, vamos nos permitir!!!!
    te adoro demais!
    Beijaooooo!!!

  2. Que pena….logo agora que estou participando muuuito do DSM vc para de moderar !
    Bom eu esei como é paulera participar de uma comunidade moderando…Boa sorte na nova fase !
    Bjs

Deixe uma resposta