Kidzania * O que seu filho quer ser quando crescer?

O que você queria ser quando se tornasse adulto? Eu já quis ser advogada e cantora dentre tantas coisas,  duas profissões que eram o centro de todas as minhas brincadeiras durante boa parte da minha infância.

No fim das contas tenho profissões totalmente diferentes e o mais perto que cheguei dessas foi ser cantora-cover-dublê em alguns comícios aqui na minha cidade haha!

Mas era tão gostoso brincar de ganhar o meu próprio dinheirinho, fazer de conta que era ‘alguém importante’, defendendo pessoas, honrando contratos, fazendo grandes turnês durante um ano inteirinho… tudo dentro da minha imaginação usando somente alguns itens que tinha em minha casa pra ajudar a formar esse cenário.

Agora, imaginem que isso pôde ser real na infância de minhas filhas? Em um lugar totalmente preparado para que elas pudessem brincar-de-trabalhar, ganhar e gastar seu próprio dinheirinho durante uma tarde incrível. Sim! Isso foi possível para nós no #PorAí do mês e pode ser pra vocês também!

Kidzania é uma cidade em escala infantil de 8.500 metros quadrados, localizada no Shopping Eldorado em São Paulo, onde crianças de 4 a 14 anos podem se divertir trabalhando. Exatamente isso que você leu! Ao embarcar com destino a essa cidade, a brincadeira fica muito séria e através de mais de 50 profissões, elas poderão trabalhar para receber outros benefícios que existem no local, como comprar sua própria lembrança no final do dia por exemplo.

O sistema do local é o “edutenimento”, ou seja, através do entretenimento oferecido, a criança aprenderá lições de educação, cidadania e sustentabilidade. Isso já começa na hora do embarque, pois ao chegarem são recepcionadas já aprendendo as regras do local e recebendo um cheque de 50 KidZos (moeda local), que são trocadas por cédulas no banco dentro da cidade.

A primeira lição que minhas princesas aprenderam foi a educação financeira, afinal, o dinheirinho da mamãe não ia valer muito ali não. A cada atração tem uma placa na porta, indicando a faixa etária e forma de recompensa, sendo mostrado se a criança paga ou recebe ao aproveitá-la. Então até na escolha da brincadeira elas tinham que ver se iam receber ou gastar para participar, o que foi muito bom pois aprenderam que tudo tem seu custo, seja entrando ou saindo do caixa do papai e da mamãe.

Também ficamos impressionados com as lições de cidadania que são passadas, ensinando as crianças a darem passagem aos pedestres, respeitarem os sinais de transito, horários e hierarquias do trabalho (sim, em algumas atrações isto também é tratado).

Ao escolher a atração, a diversão era garantidissima, porém com um toque extremamente profissional. Nada de “mimimi-guti-guti” não, ali é tudo super sério (o que assustou um pouco as meninas no primeiro trabalho) mas com um organização e carinho com as crianças sem tamanho!!! Os papais não podem entrar na brincadeira com as crianças [choramooos], então temos que ficar olhando tudo através do vidro, mas dá pra perceber o quanto a equipe do local é atenciosa em passar o máximo de informações de uma forma lúdica, porém sincera, para que as crianças tenham uma real noção do que aquela profissão trata.

Como disse, em algumas das atrações elas recebem uma remuneração, já em outras devem pagar parte ou totalidade para poderem participar, como o estúdio de fotografia ou as fábricas de comidinhas. As meninas AMARAM poder salvar um prédio em chamas e depois gastar o dinheirinho fazendo o próprio sanduíche (de verdade!). A Carol até fez sua sobremesa na fábrica de chocolate!

Já no final elas puderam trocar os KidZos restantes por uma lembrança na loja de conveniência ou guardar para uma próxima visita em cédulas ou em forma de cartão de crédito. Ah! Nós papais não podemos ‘completar’ com dinheiro nem comprar KidZos… rsrsrs… Ps! Caso optem em guardar os KidZos no banco, eles rendem 2% ao mês.

O parque já está em funcionamento há um ano aqui no Brasil, mas está presente em 18 países ao redor do mundo. Desde quando ouvi a notícia que ia ser inaugurado por aqui, bem pertinho de casa, fiquei numa esperança e vontade doida de poder levar nossas princesas, porém, o valor do ingresso é um pouquinho salgado, massss, depois que conhecemos confesso que vale MUITO A PENA o investimento!!!

Foi um grande e maravilhoso presente da minha amiga Bia do Pitadinhas Maternas [e também do Kidzania que cedeu o ingresso que faltava] pra que pudéssemos ter essa experiência incrível de verdade!

Vou deixar aqui algumas dicas pra vocês aproveitarem ao máximo esse passeio:

  1. Chegue cedo: cada minutinho dentro da cidade faz muita diferença, pois cada atração tem seu tempo de permanência e eles são super rigorosos, o que faz tudo fluir maravilhosamente bem;
  2. Guarde suas coisas no guarda-volumes: pois vocês só precisarão da máquina fotográfica para registrar os momentos, nada mais. O local tem vários bancos espalhados para que os papais possam se sentar também enquanto as crianças se divertem;
  3. Ao chegar, já garantam seu lugar pro espetáculo do dia. No nosso foi uma apresentação fantástica do MadScience.
  4. Dê uma voltinha para dar uma olhada nos horários das atrações: no dia da nossa visita foi super tranquilo, então conseguimos brincar nas mais concorridas que são Bombeiros, Resgate e Fábrica de chocolate. Mas enquanto elas estavam nas filas, eu dei uma andadinha e vi os outros horários. No final do dia elas aproveitaram 9 profissões.
  5. Registre tudo e volte sempre! É realmente um lugar incrível para levar as crianças e os frutos desse aprendizado-brincando durará por muito tempo. Converse com as crianças após o passeio, você vai se surpreender com as impressões que elas te passarão.

Mas atenção papai e mamãe: explique ao seu filho como funciona a cidade sem deixá-lo neurótico em relação a isto, senão ele vai perder toda a diversão do local pensando somente na recompensa ao final do dia. É importante sim a criança ter essa experiência educo-financeira, mas ela está em um parque e tem que se divertir em primeiro lugar. Tente deixar claro que a recompensa é sempre um bônus de quando realizamos nossos trabalhos da melhor forma, sejam elas na profissão dos adultos ou nas pequenas tarefinhas diárias das crianças.

Vale super a pena mesmo conhecer!!! Fica no #superindico com certeza absoluta e eu quero voltar muito, mas muito em breve mesmoooo.

E vocês já foram? Querem ir? O que acharam? Me contem, combinado?

Bjss

LetS

3 comentários Adicione o seu

  1. Reinaldo Seki disse:

    Foi uma experiência sensacional!!! Confesso que me surpreendi com o local e as atrações/atividades.
    Muito diferente de parques de diversão. Valeu a pena cada segundo!!!
    Pena que passou tão rápido…
    Entramos logo após a abertura e só fomos embora no horário de fechar com aquele gostinho de quero mais e a criançada falando “aaaaaaa mas já???”
    Super valeu!!!!

  2. Kidzania é o tipo de parque que eu quero voltar várias vezes porque não enjoa, não dá para a criança fazer tudo num único dia e porque é booooooooooooom demais. Que delícia poder ler que vocês todos amaram e se divertiram, e que bom que fui eu quem conseguiu proporcionar este momento. Espero que venham muitos momentos iguais a este para desfrutarmos. Conte comigo sempre.
    Familinda em ação!!! Amei as fotos

  3. Patrícia Yumi disse:

    Que parque legal!!
    Muito interessante mesmo..
    Foi muito bom saber como funciona e logo logo levarei meu filho.
    Certeza que ele vai adorar!!!

Deixe uma resposta